sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Em 2011 eu quero...

- Ser mais paciente com as coisas e pessoas...
- Curtir mais a vida, as pequenas coisinhas de cada dia...
- Ir mais à praia...
- Estudar mais...
- Ler mais...
- Não passar tanto tempo em frente ao computador...
- Passar mais tempo com família e amigos...
- Dizer com mais frequência às pessoas queridas o quanto eu as amo...
- Levar a Dolly para passear...
- Fazer os trabalhos da faculdade com antecedência...
- Conhecer melhor a minha cidade e as opções de lazer que ela oferece...
- Sorrir mais...
- Dormir menos...
- Rezar mais...
- Visitar a Jaque naquela roça dela...
- Amar e ser amada...
- Ser feliz!

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Retrospectiva 2010


E então, mais um ano que se passou!

É engraçado que sempre ouvi dos adultos que o tempo passa cada vez mais rápido depois dos quinze anos, e sempre achei que era historinha de quem quer desculpar a falta de tempo para relaxar e se divertir.
Mas agora aos vinte anos (óóóó), eu percebi que, poutz, o ano passa muito depressa e mal dá tempo de a gente se organizar e já começa outro.

Este ano eu posso dizer que foi o ano da mudança e do aprendizado.
Muitas coisas estão diferentes, inclusive eu.
Conheci muita gente nova e bacana (palavra engraçada, né? Ba-ca-na..hehe).
Tomei decisões que irão alterar meu futuro profissional.
Passei a "fazer parte" de uma família absurdamente maravilhosa.
Virei mulherzinha (no sentido fashion de ser, eu quis dizer)!
Ganhei mais responsabilidade no trabalho.
E já agora no finzinho, aprendi a me amar mais e finalmente pude voltar a fazer algo que eu amo - KARATE!

Foi um ano ótimo!
Ri, chorei, amei, odiei, fiz amizades, fui à praia, andei de kart, brinquei com bebês fofos e com cachorros mais fofos ainda, beijei, abracei, pulei nas costas, bajulei, fui bajulada, dei bronquinhas, recebi bronquinhas, telefonei, mandei vááárias mensagens e recebi outras várias, enfim, 
vivi!



beijo! =*

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Da série: Relacionamentos... (3)


Todo relacionamento que se preze deve ter uma pitadinha desse ingrediente mágico para funcionar!
Agora, prestem atenção para a palavra que eu usei: pitadinha. Lembrem-se de fechar direitinho as tampas dos seus saudadeiros (ahn-ahn, sacou?) para que não caia em excesso.
Afinal de contas, é como eu sempre digo: 

Fique distante o tempo o suficiente para que a pessoa sinta a sua falta sem que esta se acostume a viver sem você!

Eu, impaciente do jeito que sou, também odeio exagero (apesar de ser uma exagerada compulsiva...é, vai entender!). Mas minha gente, eu penso assim: Ficar dois dias sem ver alguém não é o mesmo que ficar dois anos, né?! Por isso, controle-se mulher da voz estridente da sala ao lado!

Sinto saudade do meu namorado que só vejo nos fins-de-semana, dos amigos da faculdade nas férias, da amiga-irmã querida que me abandonou para viver em uma roça em Minas Gerais (hunff!), das pessoas que o tempo não permite que eu veja toda semana. Mas chegar em casa, depois de passar 5h no rodízio de aniversário do amiguinho, e mandar uma mensagem do tipo "Miguxooooo, to morrendo de saudade, quando será a próxima?" me irrita! Oooo Guria, controle essa pixirica saltitante, né?

Eu me considero meio doidinha, porque gosto de sentir saudade! Mas eu posso explicar: O abraço que eu ganho do meu Ricão depois de uma semana de distância é o melhor do mundo! As gargalhadas que eu dou com os amigos são mais felizes, as fofocas são mais completas e até o restaurante pode ser mais caro, tudo justificado pelo homicídio da dita cuja!

Mas é óbvio que eu quico nas tamancas (ééé, definitivamente eu to retrô essa semana) se depois de uma semana IN-TEI-RA o Riconildo me diz que não pode me dar aqueeeeeeeeela atenção porque tem compromissos de última hora. Da mesma forma, fico tristinha quando a safada da mineira-carioca diz que vem e num vem e sei que deixo minha loira Chris danada quando digo que vou e num vou!

Enfim,
Saudade é que nem ciúme e sal...
Bora dosar na hora de temperar, né, gurizada?!?



beijo! =*
_______________
Em tempo, Rico e Jaque, to com saudades!

Da Série: Twittando no Blogger... (12)

Jesusssssss...
.
.
.
.
E essa hora que num passaaaaaaaaaaa! Ahhhhhhhh!

Fuuuuuuuuu! (3)

E estamos aqui, novamente, eu e Camilinha, nesse fim de mundo dos demônios, trabalhando!
Mas pelo menos hoje nós fomos espertinhas e trouxemos nossas marmitinhas cheias de alimentos nutritivos e deliciosos e ontem, malandramente, deixamos alguns processos por fazer, para ter com o que se ocupar hoje!
Ahhhhh, mas o relógio ta de mal comigo*! Porque eu já olhei 140 vezes para ele e o ponteiro menor num sai do 12, esse corno!
Hunf!
Maldito recesso injusto!²


_____________________________________
o relógio ta de mal comigo* = by Claudinho e Bochecha

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Novidade! (2)

E agora vocês poderão ver a dona deste blog!!!
Eu, numa onda totalmente retrô, reativei a minha conta free no fotolog (lembraaaaaa?)!
Entãoooo, clicando AQUI você pode ir lá conferir!

beijo! =*

Momento musical (9)

"Eu não posso deixar
Que o tempo te leve jamais
Para longe de mim
Pois o nosso romance
Minha vida, é tão lindo...

És quem manda e desmanda
Nesse coração
Que só bate em razão de te amar
Daria o mundo a você
Se preciso...

Você tem o aroma das rosas
Me envolve em teu cheiro
E assim faz ninar
A imensa vontade de estar
Ao seu lado...

Nem o mar
Nem o brilho encantante
Como o dos seus olhos
Minha Pedra Rara
Eu não vou negar sem você
Meu mundo pára...

Mil voltas e voltas que dei
Querendo de uma vez encontrar
Alguém que levasse a sério
Amar!
Mil voltas e voltas que dei
Querendo de uma vez encontrar
Alguém igual a você
Beleza Rara...

Hoje sou feliz e canto
Só por causa de você
Hoje sou feliz, feliz
E canto
Só porque amo amor
Você!"

(Beleza Rara  - Ivete Sangalo)

Então...

O Natal foi feliz, como sempre!
Esse ano nós mudamos um pouco as coisas.
Começando pelo amigo oculto familiar. Minha mãe decidiu diminuir os custos e organizou tudo, fez os papeizinhos, os sorteios e marcou um almoço lá em casa dia 25/12 para a troca de presentes.
Aí, dia 24/12, eu fui almoçar na casa do Rico, brinquei um cadinho com o priminho gostoso dele, e depois fomos jantar na casa dos tios dele, onde eles também fizeram um amigo oculto que foi muito divertido!


Na manhã seguinte, fomos lá para casa e foi a vez de passar um tempo gostoso com a minha família.
Comi muitoooooooooooo. Em todas as casas por onde passei: Salpicão, chester, peru, bacalhau, saladas diversas, além dos bolos, pavês, sorvetes, gelatinas e castanhas.
Lá em casa tem comida pro resto do mês!
Para finalizar, ontem, 26/12, nós fomos ao Outback para comemorar o niver da Best que vai viajar em janeiro e nos deixar com muita saudade! =')


Foi ótimo para curtir, amar e descansar!

Fuuuuuuuuu! (2)

E nesse esquema de plantão, estamos aqui, eu e Camila, no trabalho, com uma pilha de processos e sem um mísero restaurante aberto para que possamos nos alimentar, além de não ter uma viva alma passando na rua, o que é bastante aterrorizante, já que essa droga de Ilha é sempre tão lotada! E no MSN? Ninguém Online. Todo mundo deve estar se divertindo ou dormindo, eu suponho!
Maldito recesso injusto!
=/

sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz Natal!


Aproveite para dar aquele abraço apertado na mamãe, um cascudo carinhoso no primo pentelho e aquele beijo no seu amor!
Desejo que o Espírito Natalino esteja com vocês e suas famílias!
Mas não deixem ele comer toda a rabanada, né?
E lembrem-se, dia 26/12 não é o melhor dia do ano para trocar aquele presente desastroso que vocês ganharam no amigo oculto!

Deus os abençõe!

beijo =*

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Hummmm


Ja sinto daqui o cheirinho das guloseimas natalinas!
Nham nham!
Boa sorte no amigo oculto!
(Acreditem, é necessário desejar isso!)
O presente que eu comprei pro meu é lindo!
E muitas felicidades a todos!
=D

beijooo! =*

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Da Série: Falta do que fazer/falar (3)


Outra idiotice dos meus 16 anos...
Aff!

Momento musical (8)

"Always said I would know where to find love
Always thought I’d be ready and strong enough
But sometimes I just felt I could give up
But you came and you changed my whole world now
I’m somewhere I’ve never been before
Now I see…what love means

It’s so unbelievable
And I don’t wanna let it go
It’s something so beautiful
Flowing down like a waterfall
I feel like you’ve always been
Forever a part of me
And it’s so unbelievable
To finally be in love
Somewhere I never thought be

In my heart, in my head it’s so clear now
Hold my hand you’ve got nothing to fear now
I was lost and you’ve rescued me somehow
I’m alive, I’m in love, you complete me
And I’ve never been here before
Now I see…what love means

When I think of what I have
And this chance I nearly lost
I can’t help but breakdown…
And cry
Oh yeah
Breakdown and cry oh
Oh yeah

Now i see…what love means"

(Unbelievable - Craig David)

Da série: "Querido diário... (7)


Entrei na fase mais zen da minha vida!
Acho que finalmente eu to curtindo ser "eu"!
Tomara que isso passe de uma fase para uma verdade constante, né?"

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Da série: "Querido diário... (6)


Eu não sou o tempo todo melodramática, afinal!
Hoje eu venho te contar que eu estou de bem com a vida!
Parece que em um final de semana eu amadureci uns bons anos!
Estou me sentindo muito bem comigo mesma (tirando as queimaduras de 15° no corpo)!
E até me sentindo amada por alguns seletos habitantes do planeta! E mais especialmente por um grandãozão!
Enfim, estou nas nuvens!
Graças a Deus!"

Fuuuuuuuuu!


Esse é o resultado de ficar 11 meses sem ir à praia e DUNÁDA resolver ir às 11:30 e ficar até 17:00!

Da Série: Falta do que fazer/falar (2)


Essa sequência de fotos foi tirada quando eu tinha uns 15/16 anos (aí vem a parte que vocês falam "Pooo, mudou nada, guria!). A intenção, como vocês sozinhos devem ter concluído, era mostrar minhas diversas facetas! 
Táááá, eu admito, eu era idiota, não tinha câmera digital (só uma web cam), mas tinha um flogão (uhuuuul, lembra disso?) e muita criatividade.
Mas já que eu postei essa imundice deixa eu explicar:

Legenda:
1) Cara de "Urgh": Usada para comidas, cheiros, pessoas e lembranças.
2) Cara de "Ixi": Usada quando eu faço merda, esqueço alguma coisa, falo besteira, alguma merda acontece com alguém e assim vai.
3) Cara de "Dããã": Essa eu uso bastante. É a cara de impaciência.
4) Cara de "Nhééé": Usada para as pessoas que me zoam. Ou ainda para fazer uma criança chorar rir, no ônibus, por exemplo.
5) Cara de "Hihi": Usada quando eu apronto, com palavras ou atitudes.
6) Cara de "Hehehe": Ahhhhh! Cara de Safadeenhan, né? Preciso explicar?

Bommmm, 

beijo! =*

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Da série: "Ahhhh, te amo!" (2)



Se eu já prefiro ter AMIGOS (você entendeu que eu quis dizer que eu prefiro amizade masculina, né? Então não perturba!), porque eu acho a amizade mais sincera e verdadeira, o que dizer então do Wagner - o amigo essencial?

Se você tem um amigo que:

* Te liga e fala com a voz fininha "Ninininin";
* Imita a voz da Dolly e diz: "Cadê a Tchudja?" seja por msn, skype, facebook, orkut, msg ou telefone;
* Tem cacique*;
* Tem ciúme do Caio;
* Ri de tudo que você fala;
* Te faz rir muito;
* Abre os braços e o sorriso quando te vê mesmo no calor infernal que faz na UERJ;
* Pula nas suas costas, quando você está distraída, e grita "Bora cavalinho!";
* Come toneladas de amendoin;
* Adora uma empada;
* Sempre esquece a quantidade de ex-namorados que você teve;
* Te chama de demônio, capeta, diabo, branquela, Tchudja, pernuda, safada e Suss ;
* Brinca de girar (segurando pelas mãos) no Hall do elevador da UERJ;
* Implica com tudo que você diz;
* Ouve todos os seus podres sem criticar;
* Ouve uns rocks engraçados, cujos cantores têm vozes finas;
* Pega o ônibus de volta, na metade do caminho para casa, para te ajudar depois que tu, idiotamente, caiu do ônibus e torceu o tornozelo;
* Fala mais besteira que os filmes que passam no Megapix depois de 00:00.

Então você, com certeza, é amigo do Wagner!


Wagnêêêê,
Obrigada por um dia, em uma aula de cálculo no primeiro período, ter sentado perto de mim (e errado o exercício, HAHA.)!
Você é, como eu já disse, essencial na minha vida!
Sem mais, TE AMO!

Beijo! =*

_____________________________________
cacique* = É porque ele é índio. Aqui no Rio a gente diria cacife. Hahaha. Essa é uma das pérolas do Waguin.

Da Série: Dicas do Facebook

"Melhor perder 10 segundos colocando a camisinha do que perder 10 anos fingindo gostar de programas infantis!"

(Charlie Harper - Two and a half men)

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Momento musical (7)

"Here I am in a place
That I have never been
Out of love and afraid
That you won't let me in
You came to me and I started to feel
That my senses had left me to die
Where is my strength when I need it the most?
Tell me what have you done with my mind?

Save me now
From the depth of my infatuation
I could drown
In the sea of love and isolation
I'll take you down
If you just save me now

All the time that I gave away
I'll give it to you
All the love that I never made
I'll make it to you

Nothing would be more electric to me
Than to give you a taste
Of the love that I hide
In my condition I'm totally lost
Tell me what have you done with my pride?"

(Save me now - Andru Donalds)

Da série: "Querido diário... (5)


E, finalmente, depois de 6 anos, eu entendi muitas coisas que, antes, não entendia!
Agora eu me sinto péssima por nunca ter compreendido, ou, sei lá, nunca ter tentado!
Mas é assim mesmo, bola pra frente!
É só não deixar a peteca cair!
Hum...melhor não usar bolas e petecas juntas, a confusão só vai ser maior!"

Da Série: Twittando no Blogger...(10)

Mandouuuu!
.
.
.
.
"Jesus te ama, mas ninguém te come!"

(De extremo mau gosto, mas eu ri horrores!)

Da Série: Twittando no Blogger...(9)

Seriãozão!
.
.
.
.
Dor pouca é bobagem! Como é possível que esse útero descame tanto todos os meses e ainda sobre para o mês seguinte? Oo'

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

PARABÉNS! (6)


Ao querido Felipe Juliani que, ao completar 24 anos no dia de hoje, está oficialmente na flor da idade!
Uiaaa!
EeeeeEeeeeE!

Beijo! =*

Da série: "Ahhhh, te amo!"

Quem diria, ahn?!
Num é que eu consegui fazer o Sr. Danilo Juliani estar em um relacionamento quase sério por dez meses? 
E na pegação há um ano?


Danilo é daqueles caras que você TEM que ter na sua vida. Felizmente pra minha sorte (e por azar de muita gente invejosa) ele ocupa posição de destaque na minha sendo o namorado-parceiro-cúmplice mais perfeito que eu poderia ter!

É um dos caras mais debochados e pentelhos que eu conheço. Vive me beliscando, me cutucando, me sacaneando, me arrumando apelidinhos e me imitando. Mas também é extremamente carinhoso e romântico!
Adora dar e receber carinho e tem o abraço apertado e o toque mais gostosos que eu já senti, além da gargalhada dele ser muito deliciosa e engraçada. Isso sem falar em beijos e afins. O horário não permite, né?



É também um dos caras mais inteligentes com quem eu já conversei. É ótimo ouvinte - embora reclame um bocado quando eu falo sem parar - e tem sempre um conselho, que eu finjo não ouvir, mas ouço, tá? Além disso, tem uma família maravilhosa que eu tenho um orgulho absurdo de fazer parte nos fins de semana e festividades!



É claro que, como todo ser humano, ele tem lá seus defeitos, sendo a teimosa (Poutz!) o pior deles! Mas até nisso dá certo. É verdade que a gente passa uns 50 minutos discutindo cada vez que a gente discorda de algo, mas o papo é muito interessante e até engraçado e eu sei que ele sempre, embora não admita, acaba ouvindo algumas das coisas que eu falo! E, afinal de contas, eu num posso falar mal de teimosos, já que eu sou uma incurável!


Enfim, ele é o meu músico preferido - que canta para eu dormir e me acorda ao som de violão. Tem o "Bom dia" mais bem humorado jamais imaginado e tem uma carinha de pidão e um sorriso que me quebram ao meio. É um ser humano muitíssimo querido por todos, inclusive pela Dolly - minha auau - que vive atrás dele solicitando um cadinho de atenção e carinho!



Ricooo, meu anjinho, espero que eu esteja sendo capaz de demonstrar tudo que eu sinto aqui dentro desse coraçãozinho melodramático! Agradeço por cada dia e todo amor que sinto vindo de você! Obrigada pela importância incomensurável que você tem na minha vida!
Te amo!



terça-feira, 14 de dezembro de 2010

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Da Série: "Eu tenho uma pergunta... (2)

A gravidade da Terra é tão poderosa que ta puxando o Sol ou é o contrário que tá acontecendo?
Porque eu fui lá fora comprar um lanche e tá fazendo 200º C!
Sério!
O guaravita evaporou no caminho pra cá!
Oo'

Rapidinha do calor

Domingo. 10h da manhã. 120º C.
Susan Kate de shortinho caminhando na rua de sua casa.

Sujeito: Vem ca, num ta na hora de pegar um sol, não?
Su: Vem ca, num ta na hora de cuidar da sua vida, não?

Ele saiu rindo. Susan Kate também. Mas ela tinha falado sério!

Por que ninguém é capaz de respeitar minha TPM?

Da Série: Twittando no Blogger...(7)

Melhor frase da semana:
.
.
.
.
.
"Mas perae, ele engravida a menina e é você quem sustenta as crianças?"

domingo, 12 de dezembro de 2010

Momento musical (6)

"I don't know why you love me
And that's why I love you
Catch me when I fall
Accept my flaws and all
And that's why I love you!

I neglect you when I'm working
When I need attention I tend to nag
I'm a host of imperfection
And you see past all that"


(Flaws and all - Beyoncé)

25 coisas que a Susan é capaz de fazer

(by Caio, Waguin e Danilo)

1) Dormir 14h seguidas
2) Pentear o chumacão
3) Fazer voz de môfîlo
4) Dormir 20h e acordar às 11h da manhã com preguiça!
5) Aturar o Caio...
6) Ficar sem fazer nada no trabalho
7) Ligar para o Wagner 4h da manhã
8) Inventar nomes e apelidos engraçados
9) Namorar um cara de 1,91
10) Escrever mexendo a boca
11) Achar que foi mal numa prova e sempre ir bem
12) Cair de um ônibus e torcer o pé
13) Discutir de futebol com os muleques enquanto as meninas falam de penteados e acessórios
14) Responder com paciência as perguntas feitas para o e-mail do grupo
15) Deixar pra fazer os trabalhos da faculdade no dia da entrega
16) Ficar com voz de travecão toda vez que a sinusite ataca.
17) Se perder no Downtown
18) Se perder em São Cristóvão
19) Comer um "morte lenta" da Uerj todos os dias
20) Gostar de forró universitário, samba de raiz e linkin park
21) Dormir com ventilador ligado, mesmo no inverno, 'garrada num coração de pelúcia
22) Andar igualzinho a mãe
23) Sempre esqueceer alguma coisa em algum lugar
24) Copiar a matéria no caderno alheio
25) Dar carona de guarda-chuva pros amigos preguiçosos...

Rapidinha do francês (3)

E estávamos, como de costume, falando besteira enquanto a aula rolava - sim, isso é normal! - e a Bianca foi contar uma história do Hotel onde ela trabalha.

Bianca:  E lá no hotel? Deu mó caô porque um gringo desses resolveu se divertir com o self dele - if you know what I mean - na varanda! Ai um mothefucker lá resolveu tirar as satisfações com ele e tal...

Cara, sério! A aula era de qual idioma mesmo?
Choro de rir com a Bianca e suas performances!

Da série: "Eu admito..." (3)

Tu vai deixar saudade!


[Com voz fininha, tipo imitando bebê, saca?]
"Ôô Súú"
"Viviiiii"
"Renáááta"
"Ééééérica"
"Rúúúbia!"
"Tááá?"
"Ahhhh, tadinha!"
"Caraaaaaaaaaca, maluco!"

[Com voz normal, ou quase, né?]
"Promete pra mim, Vivi, que você não vai esquecer?"
"Gente, e onde o verbo entra? Isso! Na MEIÚCÁÁ!"
"Um exemplo, por exemplo!"
"Ah, dinheiro não é problema pra mim! Porque vocês sabem né? Eu sou MUITO rico!"
"Ah, confessa Érica, que você nunca teve um professor tão gatinho quanto eu!?"
"Mas vem cá Susan, me conta um negócio! Como é isso assim de ser assim...ahn...MUITO BONITA?"
"Eu não falo muito disso pra num ficar me amostrando, né gente?"
"Po, brother!"
"Aiii, iraaaaaaado, maluco!"
"Sua vida passou a ter sentido agora, não?"
"Kann man é 'pode o homem', né gente?"*
"Porque se você  falar assim na Alemanha, o cara vai até perguntar:
(imitando sotaque alemão) 'Você por acaso estudar no ICG com o professor magrelo?'"
(imitando narrador de cinema) "The best movie... with Susan Kate, Nicolas Cage..."
(imitando menina ou um menino gay, sei la) "Mas...professor...não entendi!"
(imitando alguém mega agradecido!) "Aiii Ivan, ainda bem que você existe, cara!"


Poutz...
Muitooooo obrigada por tudo!
Tu é meu brother, tu sabe, né?
Te desejo tudo de mais maravilhoso no mundo!
Tu merece ter cada vez mais sucesso!
Te adorozão!
Um beijo da fã! Aquela do amor platônico! =P



____________________________________________________
* Kann man = Pode-se. Eu juro que não esqueço, ta Ivan?

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Da Série: "Eu tenho uma pergunta...

Será que o número do telefone que fica em cima da minha mesa está no site da UFRJ com alguma das inscrições abaixo?

- É carente? Ligue para 2598XXXX;
- Tá com alguma dúvida, seja ela relacionada ou não à graduação da UFRJ? Ligue para 2598XXXX;
- Tá perdido? Ligue para 2598XXXX;
- Precisa de algum medicamento? Ligue para 2598XXXX;
- Você é grosseiro? Ligue para 2598XXXX;
- Nada para fazer? Ligue para 2598XXXX;
- Chat Line? Ligue para 2598XXXX;
- Leu esse texto? Ligue para 2598XXXX.

Momento musical (5)

"I've given up, I'm sick of feeling
Is there nothing you can say?
Take this all away, I'm suffocating
Tell me what the fuck is wrong with me!"

(Given Up - Linkin Park)

Da série: Cinco coisas sobre mim... (3)

[Coisas que eu não suporto]

1) Saber sobre o passado do namorado: É sério, muito sério mesmo, sabe aquela música "Monalisa" do Jorge Vercilo?

"Não se prenda
A sentimentos antigos
Tudo que se foi vivido
Me preparou pra você
Não se ofenda
Com meus amores de antes
Todos tornaram-se ponte
Pra que eu chegasse a você"

Então, é quase como se ele me conhecesse! Eu não quero saber sobre nadaaaa, porque eu não gosto de saber! E por quê? Porque eu odeio sentir ciúmes! E pronto! Eu não gosto de pensar que a todo instante eu posso estar sendo pior ou melhor, porque eu não gosto de pensar que eu estou sendo comparada! Eu não quero saber quem ele pegou ou deixou de pegar para que eu não fique paranóica toda vez que ELA aparecer! Eu quero evitar todo e qualquer diálogo como esse:

Namorado (animado): Ah, sabe essa menina aqui (apontando pra umazinha qualquer no orkut), é a Gislaine, já fiquei com ela! Ela é apaixonada por mim!
Su (nem um pouco interessada): Hum!
(meses depois)
Namorado (animado): Su, sabe quem vai estar naquela festa que eu vou e que você não vai? A Gislaine!
Su (gostando nem um pouco disso): Hum!

2) Mau humor constante: Tá, eu tenho um temperamento difícil e estou quase sempre irritada ou impaciente com alguma coisa! Mas, p*rr@, ficar de bico no Natal, no próprio aniversário, no dia do casamento é f*da, mermão!

3) Falsidade: "Oiiiii amigaaaaan!" Ahhhhh, cara! Eu odeiooooooooo quem fala assim quando não há o mínimo de amizade entre as partes! Ou quando as pessoas supervalorizam a situação, tipo: "Ahhhhhhhh, eu te amo muitãozãozão!" quando o tempo de convivência é de apenas 2 semanas! Arghhh!

4) Gente intrometida: Cara, eu sou assim, gosto de me meter em tudo, presto atenção nas conversas dos outros, chego no meio de uma discussão perguntando "O que? Quem? Por quê?". Digo o que penso, tenho sempre argumentos. Mas eu só faço isso com quem eu sei que eu posso fazer! Me da uma agonia tremenda quando pessoas aleatórias surgem e se metem na minha vida, dando opinião em tudo!
Um episódio engraçado, que aconteceu há uns 6 anos, exemplifica esse tipo de coisa insuportável!

Estávamos eu e meu irmão no metrô discutindo sobre geografia política. Estávamos tentando lembrar os nomes da reformas políticas e econômicas da União Soviética na década de 80.

Michelzinho: Tá, eu sei que tem a Perestroika, mas qual o nome da outra?
Su: Cara, só vem "Mesozóica"! Hahahaha!
Michelzinho (rindo): Tááá, mas não é isso!
Su (rindo): Eu sei, mas rima!

E ficamos da estação da Sãens Peña até o Catete mais ou menos (uns vinte minutos, talvez), tentando lembrar e então:

Sujeito aleatório (com uma voz muito da grossa nos nossos ouvidos): Glasnost!

Tá que foi um alívio lembrar o nome da budega do troço, mas gente! Que maluco doido!

5) Caixa Postal: Ahhhhhhhhhhhhhhhhhh! (com muito muito ódio). Não há nem muito o que explicar! Aquelas mulheres me irritam muitoooooo! Você está lá, ansiosa para falar com alguém (seja por saudade, carência, falta do que fazer ou preocupação) e ela simplesmente ENTRA na sua vida para avisar que você, asshole, não pode falar com a pessoa desejada. E eu tenho a minha eleita como a pior das piores - a mulher da caixa postal da Nextel:
(voz sexy) "Por favor, aguarde um instante, o assinante chamado está sendo localizado! Por favor..." (falando absurdamente rápido): "Sua chamada está sendo encaminhada para a caixa de mensagens e estará sujeita a cobrança após o sinal. Piiii"

beijooo! =*

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Momento musical (4)

"I don't know what's worth fighting for
Or why I have to scream
I don't know why I instigate
And say what I don't mean
I don't know how I got this way
I know it's not alright
So I'm
Breaking the habit
Breaking the habit
Tonight"

(Breaking the habit - Linkin Park)

Da série: "Querido diário... (4)


O sentimento de impotência é um dos piores do mundo!
Não poder fazer absolutamente nada para mudar uma verdade ou desfazer uma injustiça é terrível!
E nesses últimos dias eu tenho pensado muito que a melhor e, na verdade, única solução é usar da política do 'Let it go!'
Ou a mais popularmente conhecida ligada do 'Foda-se!'
To tentando, eu juro que to!
Só tenha paciência comigo!"

Rapidinha do Trânsito (2)

E na segunda-feira de Murphy, na hora que o pneu do ônibus explodiu furou, a multidão estava descendo irritada do ônibus e eis que:

Trocador careca: Mas também, esse pneu tinha que furar mesmo. Ele tava mais careca do que eu!

E o trocador era tipo o Lex Luthor, saca?

Da série: Relacionamentos... (2)


Embora possa parecer estranho, o ciúme, principal ator no quesito "destruidor de relacionamentos", é um mal, muitas vezes necessário para uma relação duradoura!

Muitas pessoas não admitem que são ciumentas. Outras tantas se consideram descontroladas.
O ciúme é daquelas coisas que, como tantas outras, só é bom quando há um equilíbrio.

A pessoa muito ciumenta é também muito grudenta, desconfiada e chata! É daquelas que se a cabecinha não funciona direitinho, acaba por se mostrar violenta. Quantos não foram os casos dignos de meia hora que você já não deve ter visto/lido por aí de pessoas que violentaram/sequestraram/mataram seus parceiros por ciúmes.
O ciúme em excesso também pode representar uma baixa auto-estima da pessoa. Ela se acha tão inferior ao seu parceiro que acha que qualquer um - e quando digo qualquer um é qualquer um mesmo* - seria melhor do que ela. E de boa, isso é um saco! 

Fulaninho: Com quem você tava falando no MSN ontem quando eu te liguei?
Fulaninha: MSN? Quando?
Fulaninho: Não se faça de idiota! Eu te liguei e escutei o barulhinho de teclado!
Fulaninha: Ahh! Eu estava escrevendo, mas não era no MSN!
Fulaninho: Ah não, ne? Tava mandando depoimento no Orkut, né? Pra eu não conseguir ler, ne?
Fulaninha: Cara, larga de ser doente, eu tava fazendo um trabalho da faculdade!
Fulaninho: Seiii, trabalho de faculdade, aham! Você por acaso faz Biologia, Fulaninha? Seu trabalho de faculdade envolvia o estudo da anatomia alheia, Fulaninha?
Fulaninha: Aff!

Eu tenho uma teoria que a pessoa que desconfia demais acaba instigando o outro a fazer bobagem, mas deixa quieto!



Já a pessoa que não sente ciúmes pode ser classificada das seguintes formas:
* Não liga mesmo se o outro está saindo com mais alguém: E isso pode significar que a relação não é tão séria quanto se imaginava;
* Se acha tanto que não imagina motivo para que alguém deseje trocá-la: Geralmente o narcisismo é tão forte que raramente presta atenção no mundo ao redor do outro lado da relação. Esses são os cornos mais corriqueiros.
* Simplesmente porque confia na pessoa amada: E é o melhor motivo do mundo para não se ter ciúmes.

Mas, como eu disse, o melhor é ter o equilíbrio, porque tem muita gente por aí que sofre a beça quando o outro lado não demonstra sentir um pinguinho de ciúmes que seja:

Beltrano: Oi gata, tudo bem?
Beltrana: Tudo bem. Eu to aqui no bar com uns amigos e você?
Beltrano: Vendo TV. Minha avó ta preparando o lanche, já já vou lá comer!
Beltrana: Ahhh!
Beltrano: E como tá o bar ai, galera animada?
Beltrana (fingindo não prestar atenção, falando com amiguinho): Ooooi Cleiton, senta aquiii do meu lado!...Ah, oi, amor, desculpa, o que você disse?
Beltrano (tranquilão): Perguntei se a tá galera animada com o fim do período?
Beltrana (fingindo não prestar atenção, falando com amiguinho): Oi Cleiton (barulho de beijo estalado na bochecha), tudo bem, lindo? ...Ah, oi, amor, desculpa, ééé, o povo ta animado!
Beltrano (tranquilão): Ah tahhh, mó alívio, né? Fim de período!
Beltrana (fingindo não prestar atenção, falando com amiguinho): Hahahahahaha...Para com isso, Cleiton ...Ah, oi, amor, desculpa, ééé, é muito bom estar de férias!
Beltrano (tranquilão): Eu sei, eu to de férias! Hehehe!
Beltrana (fingindo não prestar atenção, falando com amiguinho): Hahahahahaha...Cleiton você é uma comédia!...Ah, oi, amor, desculpa, ééé férias!
Beltrano (tranquilão): Bom, gata, minha avó acabou de preparar o lanche, to indo lá, meus primos chegaram aqui!
Beltrana (fingindo não prestar atenção, falando com amiguinho): Hahahahahaha...
Beltrano (tranquilão): Beijão, gata!
Beltrana (Tentando disfarçar a boladez): Ahnnn..Tá! Se ficar tarde o Cleiton me dá uma carona pra casa, ta?
Beltrano (tranquilão): Melhor mesmo, gata! A cidade tá meio sinistra! Beijo!
(fim da ligação)
Detalhe: Beltrana bolada e nenhum Cleiton perto dela!

Meninos e meninas, aprendam, mesmo que vocês não sintam, demonstrem um pouco de ciúmes, nem que seja para dar a falsa impressão aos seus parceirinhos de que vocês se importam! Ok?
Pra finalizar, a atitude da Beltrana é digna de pena! Por favor, por favorzão, não sejam assim!


beijo! =*

________________________________________________________________________________

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

PARABÉNS! (5)


Ao Thiago José, namorido da Déa, que defendeu ontem sua monografia e tirou DEZ e ainda ficou entre os primeiros colocados para o Mestrado.
\0/
Arrasa nééééin!

PARABÉNS! (4)


"Pra você, nessa data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida", para a Tia Itália, minha sogrinha, que hoje completa (literalmente) mais uma primavera!
EeeeEEeeeeEEeee!
Beijoo grande, muitas felicidades!
=D

PARABÉNS! (3)


Ao Thiago, meu melhor amigo, que passou de primeiraça - e sem ajuda de cursinho - na prova da OAB!
Uhuuuuul
\0/

Da Série: Murphy me odeia!

Segunda-feira.
Acordo às 8:30 da manhã enjoada por causa de toda besteira que eu comi no fim de semana.
Estou rouca porque gritei até a voz falhar no Domingo.
Me arrumo sonolenta para ir trabalhar.
Fico meia-hora no ponto de ônibus.
O ônibus que chega tem ar-condicionado (e custa R$ 3,00).
No meio do caminho descubro que não tem expediente porque a chuva destruiu a eletricidade do prédio que eu trabalho.
Desço e espero mais quinze minutos.
O pneu do ônibus que finalmente pego explode cinco minutos depois.
Peguei uma van cheia e voltei para casa em pé.
No meio do caminho me lembro que eu deveria ter passado no banco para pagar uma conta vencida.
Chego em casa e descubro que tem coisa a beça pra terminar do trabalho de Filosofia.
Acabo o trabalho às 17:00, me arrumo correndo, chego no ponto às 17:20 - Tudo parado!
O ônibus que finalmente chega às 17:40 leva vinte minutos para fazer um trajeto de dois minutos.
Um caminhão tombou na pista e deixou o trânsito leeeeento!
Chego no shopping com vinte minutos de atraso.
Ligo para o meu namorado, que diz: "To indo!".
Quinze minutos depois ainda estou esperando ele, quando o normal seria ele levar cinco minutos para chegar!
Espero mais cinco minutos e ligo: "Quantas semanas você precisa para atravessar do Cittá América para o Downtown?"
Ele chega quinze minutos antes do filme começar.
Uma leve discussão (dois minutinhos) e nós finalmente entramos para assistir o filme (A rede social).
Aí foi que o tio Murphy deu uma trégua: O ingresso segunda-feira no Cinemark custa R$6,00 e como eu sou estudante só paguei R$3,00!
E a partir daí tudo ficou melhor!

beijo! =*

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Rapidinha do trânsito

E entrei eu, atrasada, com sono e calor, numa van lotada às 8:30 da manhã de um sábado quente, véspera da final do campeonato brasileiro, com a minha linda blusinha do Flusão. Um sujeito sentado se oferece para segurar minha mochila (pesada que nem o diabo). Eu agradeço com meu lindo sorriso de simpatia. O cara então me olha dos pés a cabeça e diz:

Sujeito sem noção:  Só num gostei da camisa!

E a vontade de mandar tomar no cu? E a vontade de gritar: "FOOOODA-SE!"? E a vontade de enfiar-lhe um socão no meio da face? E a vontade de descer e voltar a dormir? E o calor dos infernos?

É, enfiei garganta abaixo e dei outro sorriso.

Hunff!

Ser educadinha me cansa, sabia?

Rapidinha do francês (2)

E então estávamos na aula ouvindo um cd no qual duas pessoas (um homem e uma mulher) conversavam em francês dentro de um elevador. Estávamos rindo do excesso de sonoplastia. Tio Anderson (le professeur) já tava ficando bolado. Ele tava tentando fazer fazendo perguntas sobre o diálogo.
Daí:

Tio Anderson: Combien de personnes sont sur la scène?*
Turminha: ...
Tio Anderson (rindo e falando tudo embolado): Dezême, Defême u ãnêmeÊãnfême? Hahahahaha!
Susan (rindo): Oi?! Num entendi nada, fessor!
Bianca (a coleguinha mais empolgada): Iiii, liga não! Essa piadinha foi só pro self dele! Não precisa entender!



________________________________________________________
* Quantas pessoas estão na cena?

domingo, 5 de dezembro de 2010

PARABÉNS! (2)


Ao Flusão, campeão brasileiro de futebol de 2010!

Três vivas!
Ao Time de Guerreiros!
À Torcida maravilhosa!
E à minha garganta fudida de tanto berrar!

Saudações tricolores!

Momento musical (3)


Sou tricolor de coração.
Sou do clube tantas vezes campeão.
Fascina pela sua disciplina,
O fluminense me domina.
Eu tenho amor ao tricolor!
Salve o querido pavilhão,
Das três cores que traduzem tradição:
A paz, a esperança e o vigor.
Unido e forte pelo esporte,
Eu sou é tricolor!
Vence o fluminense
Com o verde da esperança,
Pois quem espera sempre alcança.
Clube que orgulha o Brasil,
Retumbante de glórias e vitórias mil!
Sou tricolor de coração.
Sou do clube tantas vezes campeão.
Fascina pela sua disciplina,
O fluminense me domina.
Eu tenho amor ao tricolor!
Salve o querido pavilhão,
Das três cores que traduzem tradição:
A paz, a esperança e o vigor.
Unido e forte pelo esporte,
Eu sou é tricolor!
Vence o fluminense
Com sangue do encarnado,
Com amor e com vigor.
Faz a torcida querida
Vibrar com a emoção do tricampeão!
Vence o fluminense,
Usando a fidalguia.
Branco é paz e harmonia.
Brilha com o sol da manhã,
Qual luz de um refletor.
Salve o tricolor!!!

sábado, 4 de dezembro de 2010

PARABÉNS!


AÊÊÊ!
60 ANOS!
Uma senhora de respeito, ahn?!

Da série: "Querido diário... (3)


Por que eu sempre falo as coisas que eu não queria dizer e da pior forma possível nos piores momentos?
Eita boquinha (e dedinhos) que não sabe a hora de parar!
Sério, voto de silêncio selado!"

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Momento musical (2)

"Bebe, danza, sueña
Siente que el viento
Ha sido hecho para ti
Vive, escucha y habla
Usando para ello el corazón
Siente que la lluvia
Besa tu cara
Cuando haces el amor
Grita con el alma
Grita tan alto
Que de tu vida, tú seas.
Amigo, el único autor."

(Molinos de Viento - Mago de Oz)

Da Série: Coisas que me irritam... (3)



De todas as coisas que eu mais odeio nos meses de Dezembro/Janeiro, a que com certeza me tira mais do sério é o:

CALOR EXCESSIVAMENTE EXAGERADO DO RIO DE JANEIRO

Tááááá, solzão é ótimo quando você está na praia ou no clube, de biquini ou sunga, sem compromisso com a vida e trabalhado no filtro solar. Mas é péssimo quando você tem que pegar o ônibus lotado pra  ir e vir do trabalho/faculdade/qualquerlugardiferentedapraia.
Arghhh, como eu tenho nojo de ter que passar pelas pessoas suadas e fedorentas dentro de um 485 lotadooo em uma quinta-feira às 17h.

Pior do que isso é quando eu chego em casa, tomo aqueeeeeeele banho e a luz - puf! - acaba!
Sério, se maldição de Susan Kate pega, o pessoal da LIGHT e da VELOX estão fuuu...
Mas antes, deixa eu explicar, comigo é assim, só o fato de a luz acabar, parece que o calor fica ainda mais penoso de suportar, mesmo que esteja a noite.
E ainda tem o agravante que eu não durmo sem ouvir aquele "Vummmmm"  característico.


E parece que é nesses dias infernais que todas as coisas do mundo te direcionam para os lugares mais quentes do Hell de Janeiro. Prova na UERJ, churrasco em Bangu, treinamento de bombeiro em Campo Grande, mais um dia de trabalho na Presidente Vargas e por aí vai.

O agravante é ser brasileira cuja cultura irritante determina que nós temos que cumprimentar as pessoas na chegada e na saída com dois beijinhos na bochecha.
Quer coisa pior do que beijar uma bochecha salgadinha de suor? Pois eu te digo: levar uma bochechada de uma pessoa suadinha. Sim, porque tem gente que não beija, esfrega a bochecha em você!
Argh!

Mas se tem uma coisa que tira a minha paz são os malditos cupins voadores que invadem o meu território.
Os demônios voadores ficam andando em mim e comem minhas madeiras e livros, o que é bem grave, porque essas duas coisas compõem 98% do meu "pretinho gostoso".

Se eu pudesse escolher uma coisa em nossa legislação para acrescentar seria o seguinte: 

"Declaro que, a partir de hoje, todos os dias que o relógio mostrar uma temperatura acima de 30° será considerado um crime obrigar um cidadão decente, cumpridor de seus deveres, a ir trabalhar sem que condições próprias da temperatura lhe sejam oferecidas durante o trajeto e o tempo de permanência em seu local de trabalho."

Mas beleza, já escolhi onde irei dormir pelos próximos três meses...
E fica aí a sugestão!



beijooo!

=*




quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Da série: "Querido diário... (2)


Eu juro que eu queria saber uma coisa: Eu cobro muito, eu espero demais das pessoas ou eu faço em excesso?
É sério, descobrir isso é crucial para que daqui em diante eu pare de cometer os mesmos erros bobos que eu sempre cometi! A parte mais chata é saber que, seja qual for a resposta, eu sei que a culpa é minha!
Ou seja, ou eu mudo radicalmente a minha forma de agir ou eu sempre vou me frustrar com as pessoas e suas atitudes."

Já que retomei meu plano...

...de viver para a ajudar as pessoas que precisam...

Gente, ainda esse mês, eu e alguns amigos, iremos visitar a Instituição Romão Duarte, e levaremos um pouco de carinho, atenção e doações.



Quem quiser ajudar, me fala, ok? 

Pros interessados no trabalho da Instituição: clique aqui!

beijo!

Rapidinha do Francês

Daí que eu tava no ônibus essa manhã com o livro de francês aberto, ouvindo o áudio referente a lição pelo celular, quando de repente:

Voz sensual de mulher saindo de dentro do fone de ouvido: Vous faites le ménage?

Mas que danadinhas fofoqueiras essas francesas que gravam áudio para livros didáticos de língua estrangeira para brasileiros, hein?

Hunff!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Rapidinha do Trabalho (4)

A porta (que é de correr) abre abruptamente:

Um sujeito qualquer (com cara de assustado): (SILÊNCIO)
Todas as meninas da sala (olhando pro cara): (SILÊNCIO)
Um sujeito qualquer (com cara de assustado): Acho que to no lugar errado! Tem muita mulher aqui! A Dona Helena é onde?
Uma das meninas (rindo): É ali do lado!

O cara sai:

Camila (essa já é famosa por aqui, ne?): Num 'guento essas pessoas que entram aqui feito um furacão! Já viu aquele moço do protocolo? Ele entra aqui correndo, esbaforido, parece que acabou de chegar da São Silvestre, taca os processos em cima da mesa e sai correndo de volta pra sala dele!

Rapidinha do Trabalho (3)

Após uma reunião com uma das coordenadoras de curso da UFRJ


Camila (Amiguinha de trabalho): Já reparou um negócio? Todas essas professoras que são muito inteligentes - com pós-graduação, doutorado, pós-doutorado - andam meio esculachadas?
Aline (outra amiguinha): Como assim?
Camila: Meio largadas, desarrumadas, descabeladas. Essa daí merecia ganhar um pente de presente! Se eu tirasse ela no amigo oculto, com certeza eu daria um pente pra ela.
Su (rindo): Verdade! A de ontem era até fedorenta!
Patrícia (outra amiguinha): Como assim, cheiro de cigarro?
Su: Não, fedorenta mesmo. Cheiro de suor de suvaco cabeludo!
Camila: Ta vendo, por isso que eu não quero estudar demais! Quem estuda demais fica assim! Imagina o marido dessa mulher pra aturar isso!

Da Série: Falta do que fazer/falar

POR QUE A REDE GLOBO SÓ PASSA JOGO DO FLAMENGO?

Uma pesquisa científica, realizada por um conjunto de universidades públicas brasileiras, chegou à seguinte conclusão:


BOTAFOGO:
Quando o jogo do Botafogo é televisionado: professores, cientistas, juízes e corretores da bolsa de valores param e a produção cai 49%. Nos Cinemas, teatros e eventos culturais, o movimento cai 32%.


VASCO:
Quando o jogo do Vasco é televisionado: o movimento das adegas e restaurantes especializados em bacalhau cai 60%. A produção de bolos, confeitos e pães cai 12%. O movimento nas ruas do bairro de São Cristóvão cai 75%.


FLUMINENSE:
Quando jogo do tricolor é televisionado: restaurantes de luxo tem queda no movimento de 76%. O movimento do comércio do Rio Sul cai 65%. Clubes sociais, lojas em geral tem queda de 45% de público. As ruas dos bairros da Zona Sul tem 51% do movimento de pedestres diminuí do. 94% das viagens internacionais são canceladas. A TV Globo não aumenta o IBOPE, pois 87% dos torcedores já assistem aos jogos pelo sistema 'pay-per-view' de TV por assinatura. Trânsito de automóveis diminui 43% nas principais avenidas da zona sul da cidade, melhorando o trânsito.


FLAMENGO:
Quando o jogo do Flamengo é televisionado:
Assaltos a mão armada, diminuem 85%.
Assaltos em semáforos diminuem 73%.
Casas de prostituição diminuem 30%.
Bairro de Fátima, Lapa e Glória ficam desertas.
Lacraia não faz show.
Latrocínios caem 62%.
Sequestros caem 78%.
Rebeliões caem 98%.
Fugas em delegacias e presídios de todo o Brasil caem 100%.


OBRIGADA REDE GLOBO........xD



____________________________________________________
Crédito ao tio Pietro pelo texto!


beijooo! =*